FANDOM


30px-Era-old30px-FeaturedIcon



Xel'un Akya

Xel'Un Akya - Mestre Jedi

Informações biográficas
Planeta Natal

Coruscant

Data de Morte

3.685 ABY, Klentaal III

Descrição física
Espécie

Humano

Gênero

Masculino

Informações cronológicas e políticas
Era(s)

Era da Velha República

Afiliação
Aprendiz(es)

Kavoh Vylel

"Rapidez! Creio que seu inimigo não mostrará lentidão ao querer te matar!"
―Xel'Un Akya para Kavoh Vylel[fonte]

Xel'un Akya, ou Xel, foi um Mestre Jedi servente à Ordem Jedi e à República Galáctica. Lutou na época dos conflitos Tremalianos e participou da Guerra do Sistema Uval, liderando as forças da República. Uma vez no Alto Conselho Jedi, Mestre Akya tomou o aprendiz Kavoh Vylel para si, com intenções de treiná-lo, depois que seu mestre foi dado como morto durante uma missão em plena Crise de Casnarote. Por volta de 3.685 ABY, Akya foi morto por seu ex-aprendiz Vylel, depois de o mesmo ter se voltado para o lado negro da Força, e se tornado Darth Trayus.

BiografiaEditar

Conflitos Tremalianos (3.7063.704 ABY)Editar

Primeira Batalha de TremaliEditar

No ano de 3.706 ABY, o aprendiz de Akya, Kavoh Vylel, foi mandado até Jazafi para combater as forças da Ordem Planetária Tremaliana. Detendo o controle do planeta, e havido destruído as fortalezas da República, a missão de Vylel foi dada como impossível. Não conseguindo manter as suas tropas e sofrendo perdas cada vez maiores na cidade capital Tanpar, Kavoh pede reforços e a ajuda de Akya durante a batalha. Rapidamente, o Conselho envia o Mestre Jedi até o planeta mais próximo de Tremali, Oubar, para conduzir as tropas da República presentes até Tremali. Uma vez que bem sucedida, a chegada das novas forças permitiu o aumento da densidade da tropa, alterando o equilíbrio da batalha em favor da República, que forçou os Tremalianos a recuar até os níveis mais baixos da cidade, onde Akya, juntamente a Vylel, encurralaram as tropas inimigas e forçaram a sua rendição, após o Vissar do Exército Tremaliano Nolar Trayvo ter sido morto por um tiro de blaster vindo do Comandante da República, Clou.

Segunda Batalha de TremaliEditar

Battle of Tammuz-an1

Pela segunda vez derrotadas, as forças Tremalianas sobre Tremali

Durante o tempo que se seguia em 3.705 ABY, Akya foi designado mais uma vez para o planeta Tremali para administrar as forças da República Galáctica contra o exército Tremaliano devido ao seu inesperado ataque orbital. Pela segunda vez no conflito, o Comandante Clou liderou juntamente a Akya os esforços defensivos, uma vez que o ataque inimigo era bem mais numeroso. Pilotando um caça T, o Mestre Jedi conseguiu destruir os escudos do cruzador A Liberdade e atracar seu caça no hangar de lançamento. Dessa forma, adentrando aos principais níveis da nave colossal, Akya alcançou a cabine de comando, matando todos presentes e ajustando os controles de navegação para colidir contra os oceanos de Tremali. Com pouco tempo para escapar, o Jedi não poupou esforços para chegar em seu caça, e consequentemente, conseguiu deixar o cruzador antes que ele colidisse com o planeta. Por esta manobra, e perdendo seu principal supridor de forças, a marinha Tremaliana pulou para o hiperespaço, fugindo através do vácuo do espaço.

Guerra do Sistema UvalEditar

Duelo em Klentaal IIIEditar

MorteEditar
Darth Vosur mata Xel'Un Akya

Xel'Un Akya é morto por Darth Trayus

Três anos após Kavoh Vylel ter sido dado como morto em Dromund Kaas, o sistema Uval entrou em estado de emergência quanto sua lealdade para com a República devido à influência dos piratas, contrabandistas e foras da lei, que se juntaram formando o Olhar da Destruição tomando o poder de vários planetas e espalhando sangue inocente por todo o sistema, forçando o Conselho a designar alguns Jedi para levar a paz aos necessitados, entre eles, Akya.

"Eu sei que você não se lembra de quem é, ou quem foi. Eu consigo sentir a sua mente confusa e completamente perdida. Mas... procure em seus sentimentos, você sabe que não é um homem mau. Eu sei que você ainda fará o que é certo."
―Xel'un Akya, em seu último suspiro, para Darth Trayus[fonte]

Pousando no Espaçoporto da Cidade de Klentaal, Akya dirigiu-se até o posto militar da República instalado próximo dali. Contudo, perturbações na Força e o sentimento da presença de alguém familiar ao seu redor, fizeram com que o Jedi ficasse apreensivo quanto ao andamento da missão. Assim, quando a noite caiu, as forças da República foram tomadas desprevenidas quando os soldados do Olhar da Destruição atacaram o seus alojamentos. Algo inesperado, contudo, havia sido revelado: todos os acontecimentos que culminaram na formação do Olhar da Destruição e no conflito existente no sistema Uval fora influenciado pelos Sith, quando um indivíduo nomeado Darth Trayus declarou-se autor dos mesmos.

Um forte abalo na Força tomou conta de Akya, pouco antes do Jedi e Sith engajarem-se num feroz duelo. Golpes rápidos e precisos foram dados por ambos os lados por um grande período de tempo, até que Trayus ficou em desvantagem quando três soldados da República entraram no combate. Redirecionando seu foco nos três indivíduos, o Sith os matou brutalmente, dando oportunidade para Akya tentar escapar. Contudo, enquanto o Jedi corria para comunicar à Ordem Jedi dos acontecimentos, Trayus o puxou com a força, lançando-o contra o chão. Enquanto dirigia-se até o corpo caído, o Mestre lançou seu sabre de luz no rosto do Lorde Sith, que foi salvo pela sua máscara. Contudo, com seu visor extremamente danificado, Trayus retirou sua impossibilitada máscara para combate, onde uma verdade chocante veio à tona: o mortal Sith na verdade era o ex-aprendiz da Akya, Kavoh Vylel, dado como morto anos antes. Sendo evidente sua perda de memórias, Trayus não exitou e atacou letalmente o Jedi com disparos dos relâmpagos da Força, deixando-o fraco e debilitado, à beira da morte.

Aproximando-se de seu ex-Mestre, o Lorde prestou atenção nas palavras proferidas por Akya em seu último suspiro de vida, que então, tornou-se um com a Força. Para manter a eficiência de seus esforços, Trayus cuidou para que não houvessem testemunhas de seu ataque em Klentaal III, matando a todos os presentes.

ApariçõesEditar

FontesEditar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.